Yahoo Search Búsqueda en la Web

  1. Eleitorado de Hanôver – Wikipédia, a enciclopédia livre

    pt.wikipedia.org › wiki › Eleitorado_de_Hanôver

    Em 1714, Jorge Luís tornou-se rei da Grã-Bretanha, no qual Hanôver e a Grã-Bretanha se juntaram em uma união pessoal.

  2. Ernesto Augusto, Eleitor de Hanôver – Wikipédia, a ...

    pt.wikipedia.org › wiki › Ernesto_Augusto,_Eleitor_de
    • Biografia
    • Casamento
    • Ligações Externas

    Ernesto Augusto era filho de Jorge de Brunsvique-Luneburgo e de Ana Leonor de Hesse-Darmstadt. Ele nasceu como quarto filho e sexta criança. Seus avós paternos foram Guilherme de Brunsvique-Luneburgo e Doroteia da Dinamarca. Seus avós maternos foram Luís V de Hesse-Darmstadt e Madalena de Brandemburgo. Como o quarto filho, ele teria poucas chances de suceder seu pai como governante, e assim, em 1662, seus parentes o nomearam administrador de Osnabruque, de acordo com a Paz de Vestfália, cada segundo do incumbente do Bispado de Osnabruque era para ser nomeado pelo duques de Brunsvique-Luneburgo. No entanto, após dois de seus irmãos mais velhos terem morrido sem filhos homens, Ernesto Augusto herdou parte dos territórios de seu pai em 1679, ou seja, Calenberg (incluindo Gotinga). Em 1683, contra os protestos de seus cinco filhos mais novos, Ernesto Augusto instituiu a primogenitura masculina, de modo que seu território não é subdividido após sua morte, e também como uma pré-condição p...

    Ernesto Augusto se casou em 30 de setembro de 1658 com Sofia de Hanôver, que antes do casamento era conhecida como Sofia, Princesa Palatina do Reno. Sofia seria a herdeira da rainha Ana do Reino da Grã-Bretanha, por ser protestante e neta de Jaime I, mas ela veio a falecer antes da monarca britânica. Brasões

  3. File:Coat of Arms of George I Louis, Elector of Hanover (1708 ...

    en.wikipedia.org › wiki › File:Coat_of_Arms_of

    Original file ‎ (SVG file, nominally 566 × 1,123 pixels, file size: 689 KB) This is a file from the Wikimedia Commons. Information from its description page there is shown below. Commons is a freely licensed media file repository. You can help. Description. Coat of Arms of George I Louis, Elector of Hanover (1708-1714).svg.

  4. Ducado de Brunsvique-Luneburgo – Wikipédia, a enciclopédia livre

    pt.wikipedia.org › wiki › Brunswick-Lüneburg
    • História
    • História Dos Principados subordinados
    • Outros Ramos
    • de Luneburgo A Hanôver
    • História Da Relação Com A Coroa Britânica
    • após O Congresso de Viena
    • Ducado de Brunsvique
    • Ligações Externas

    Em 1180, Henrique, o Leão, recebeu a "proibição imperial", fazendo com que ele perdesse seus títulos de Duque de Saxônia e Duque da Baviera. Ele, então, foi para o exílio por vários anos, mas foi autorizado a permanecer até o fim de sua vida nas propriedades alodiais, herdadas do lado materno. Em 1235, como parte da reconciliação entre as Casas dos Hohenstaufen e Guelfos, o neto de Henrique, Otão, a Criança, transferiu suas propriedades para o imperador Frederico Barbarossa e foi e enfeoffed(ato pelo qual uma pessoa dava terras em troca de uma promessa de serviço no feudalismo) em troca do ducado recém-criado de Brunsvique-Luneburgo, que foi formado a partir da propriedades transferidas para o imperador, assim como outras grandes áreas do fisco imperial. Após sua morte em 1252, ele foi sucedido por seus filhos, Alberto e João, que governaram o ducado em conjunto. Em 1269, o ducado foi dividido: Alberto recebeu a parte sul do Estado em torno dos territórios de Brunsvique e João a par...

    Divisão territorial do Eleitorado de Brunsvique-Luneburgo e as relações dinásticas dentro do Ducado de Brunsvique-Luneburgo e ao Reino da Grã-Bretanha. A história subsequente do ducado e seus subordinados principadosfoi caracterizado por numerosas divisões e reagrupamentos. Os estados subordinados que foram repetidamente criados, e que tinham o estatuto jurídico de principados, foram, em geral com o nome da residência de seus governantes. As propriedades das diferentes linhas dinásticas podiam ser herdadas por uma linha de lado quando uma determinada família morria. Por exemplo, ao longo dos séculos, havia o Velho, Casas Médio e Novo (ou linhas) de Brunsvique, e as Casas antigas, Médio e Novo de Luneburgo.

    Outros ramos que não têm plena soberania existiam no Dannenberg, Harburg, Gifhorn, Bevern, Osterode, Herzberg, Salzderhelden e Einbeck. Enquanto um total de cerca de uma dúzia de subdivisões que existiam, alguns foram apenas dinásticas e não são reconhecidos como estados do império, que ao mesmo tempo tinha mais de 1500 entidades legalmente reconhecidas. Na lista de participantes do Reichstag(1792), as seguintes quatro subdivisões de Brunsvique-Luneburgo tinham representação: 1. O Principado de Luneburgo. 2. O Principado de Calenberga - Gotinga, fundiu-se com Eric I de Brunsvique-Volfembutel, em 1495. 3. O Principado de Grubenhagen. 4. O Principado de Brunsvique-Volfembutel. Em 1705, apenas dois duques de Brunsvique-Luneburgo sobreviveram, uma decisão de Calenberga, Luneburgo e outros bens, e os outros dirigentes Volfembutel.

    Uma das linhas dinásticas foi a dos príncipes de Luneburgo, que em 1635 adquiriu Calenbergapara Jorge, um membro júnior da família que montou residência na cidade de Hanôver. Seu filho Cristiano Luís e seus irmãos herdaram Celle em 1648 e, posteriormente, compartilhá-la e Calenberga entre si; um ramo intimamente relacionado da família governada separadamente em Volfembutel. Como um desenvolvimento dos últimos dias, que se tornou o Eleitorado de Hanôver foi chamado inicialmente o eleitor de Brunsvique-Lunenberg quando o imperador nomeou Ernesto Augusto, Duque de Brunsvique-Luneburgo um eleitor em 1696 (dois anos antes de sua morte) em um tanto controverso movimento para aumentar o número de eleitores protestantes, assim, ofendendo os interesses arraigados dos existentes príncipes-eleitores, que já não seriam tão poucos. Como a maioria das questões na Europa durante estes tempos, isso era parte da agitação religiosa de muitos séculos religiosas acompanhadas de guerra aberta (verGuerra...

    O primeiro rei hanoveriano da Inglaterra, Jorge I da Grã-Bretanha foi Duque de Brunsvique-Luneburgo, e finalmente foi feito Príncipe-eleitor do Sacro Império Romano-Germânico em 1708. Seus bens foram ampliadas em 1706, quando as terras hereditárias do ramo Calenberga dos Duques de Brunsvique-Luneburgo fundiram-se com as terras do ramo Luneburgo-Celle para formar o Estado de Hanôver. Posteriormente, Jorge I foi nomeado eleitor de Hanôver. Em 1700 e 1701, quando o parlamento inglês tinha abordado a questão de uma sucessão ordenada, com um viés religioso em direção a uma regra protestante, preteriu os filhos da rainha Ana (Casa de Stuart) e, com as disposições da Lei de Liquidação 1701, passou a Sofia de Hanôver, neta de Jaime VI da Escócia e I de Inglaterra. A Grã-Bretanha e Hanôver permaneceram unidos em união pessoalaté a ascensão ao trono inglês da rainha Vitória em 1837. Jorge I foi seguido por seu filho Jorge II e bisneto Jorge III. O último mencionado manteve a posição do eleito...

    Após o fim do Sacro Império Romano-Germânico em 1806, Calenberga-Celle e suas possessões foram adicionados pelo Congresso de Viena ao Reino de Hanôver (incluindo Brunsvique-Luneburgo). Durante a primeira metade do século XIX, o Reino de Hanôver foi governado como união pessoal pela Coroa Britânica sob Jorge III do Reino Unido, o último eleitor de Hanôver até a morte de Guilherme IV em 1837. Nesse ponto, a Coroa de Hanôver foi para o irmão mais novo de Guilherme IV, Ernesto, Duque de Cumberland e Teviotdale sob a lei sálica exigindo que o próximo herdeiro fosse do sexo masculino, enquanto o trono britânico foi herdado pela única filha do irmão mais velho, a rainha Vitória. Posteriormente, o reino foi perdido em 1866 por seu filho Jorge V de Hanôver durante a Guerra Austro-Prussiana, quando foi anexada pelo Reino da Prússia, e se tornou a província prussiana de Hanôver.

    A linha de Volfembutel manteve a sua independência, com exceção de 1807-1813, quando ela e Hanôver foram incorporadas ao napoleônico Reino da Vestfália. O Congresso de Viena, de 1815, transformou-o em um Estado independente sob o nome de Ducado de Brunsvique. O ducado permaneceu independente e juntou-se à primeira Confederação da Alemanha do Norte e em 1871 o então Império Alemão. Quando a principal linha de descendência se extinguiu em 1885, o imperador alemão tornou-se o legítimo herdeiro, o "Príncipe Herdeiro de Hanôver", e tomou o controle, em vez de instalar um regente. Décadas mais tarde, as famílias foram reconciliados pelo casamento de filho do príncipe herdeiro com a única filha do imperador, e o este permitiu que seu genro assumisse.

  5. Reino de Hanôver – Wikipédia, a enciclopédia livre

    pt.wikipedia.org › wiki › Reino_de_Hanôver

    Assim o rei Jorge V de Hanôver teve que se exilar no Império Austríaco. Outros territórios tiveram a mesma sorte de Hanôver, como o Eleitorado de Hesse, o Ducado de Nassau e a Cidade Livre de Frankfurt. De 1866-1918, Hanôver foi uma província prussiana e em 1946 foi incorporado à Baixa Saxônia com a cidade de Hanôver como capital.

  6. Archivo:Hanover1720-pt.svg - Wikipedia, la enciclopedia libre

    es.wikipedia.org › wiki › Archivo:Hanover1720-pt

    Este archivo está disponible bajo la licencia Creative Commons Dedicación de Dominio Público CC0 1.0 Universal.: La persona que ha asociado una obra a este documento lo dedica al dominio público mediante la cesión mundial de sus derechos bajo la ley de derechos de autor y todos los derechos legales adyacentes propios de dicha, en el ámbito permitido por ley.

  7. Eleitor – Wikipédia, a enciclopédia livre

    pt.wikipedia.org › wiki › Eleitorado

    Para o órgão deliberativo, veja Colégio eleitoral. Eleitores são pessoas que elegem um representante para um órgão decisor, ou escolhem a sua opção de entre um conjunto predefinido através de um qualquer sistema de votação. Ao conjunto de eleitores dá-se o nome de eleitorado . Para ser eleitor de uma votação nacional, no Brasil o ...

  8. O Eleitorado de Hanôver (em alemão: Kurfürstentum Hannover) ou, mais formalmente, Eleitorado de Brunswick-Lüneburg ou, na sua forma portuguesa, de Brunsvique-Luneburgo [1] (em alemão: Kurfürstentum Braunschweig-Lüneburg) foi o nono eleitorado do Sacro Império Romano-Germânico em 1692, quando o imperador romano-germânico Leopoldo I, nomeou o duque Ernesto Augusto para eleitor do ...

  9. Wikizero - Hanover

    www.wikizero.com › pt › Hanover

    Hanover ou Hanôver pode referir-se a: Hanôver — cidade alemã, capital do estado da Baixa Saxônia; História [editar | editar código-fonte] Casa de Hanôver — família real europeia; Eleitorado de Hanôver — um dos eleitorados do Sacro Império Romano-Germânico; Reino de Hanôver — reino criado em 1814 no Congresso de Viena

  10. Hanôver wikipedia - Yahoo Search Results

    search.yahoo.com › tablet › s

    From Wikipedia, the free encyclopedia Hanover is a town located along the Connecticut River in Grafton County, New Hampshire, United States. As of the 2010 census, its population was 11,260. The town is home to Dartmouth College, the US Army Corps of Engineers Cold Regions Research and Engineering Laboratory, and Hanover